PnE #097 – Conto Relatório Minoritário

0
Imagem de fundo branco com textura de corte. À esquerda no canto inferior tem a logo do Leitor Cabuloso formado por um livro aberto e um punho levantado na cor amarela. À sua direita, tem a capa do livro "Realidades Adaptadas" seguido do título "Conto - Relatório Minoritário #097". Em cima, à direita, tem a logo do podcast formado por livros em pé e que vão caindo com o título "Perdidos na Estante" em cima e o símbolo de play na letra "o" na cor preta.

Você provavelmente conhece esse filme, mas talvez você não saiba que ele é um conto que se chama Relatório Minoritário.

O conto foi escrito por Philip K. Dick e a partir da tradução feita por Ludimila Hashimoto conhecemos um pouco desse universo complexo onde a tecnologia, na teoria, ajuda a manter a paz na sociedade. Mas, será que é seguro?

Se você quiser saber mais sobre o conto, ouça o episódio de hoje e depois compre o livro “Realidades Adaptadas” disponibilizado pela Aleph em 2020. No próximo episódio falamos sobre o filme. Até lá!

Fala com a gente! 

Ouviu o episódio? Conta pra gente o que você achou. Pode nos chamar nas redes sociais, comentar nessa postagem ou nos mandar um e-mail para contato@leitorcabuloso.com.br

Ficha técnica 

  • Apresentação: Domenica Mendes, Paulo Vinicius, Camila Vieira e Rodrigo Basso
  • Pauta: Domenica Mendes
  • Assistente e Edição: Leonardo Tremeschin

Quer ler o conto “Relatório Minoritário?”

Agradecimentos Especiais

Agradecimentos especiais a quem nos apoia, especialmente a Abner De Souza, Airechu, Alessandra Rocha, Allan Felipe, Caetano Jacques, Carol Vidal, Carolina Mendes, Cláudia Rodrigues, Clecius Duran, Dayse Cristhina, Francisco Faria, Janaína Vieira, Laine Lilica, Lara Prado, Leandro Gomes, Lu Bento, Lucas Domingos, Marina Jardim, Marina Kondratovich, Melisa de Sá, Nilda, Priscilla Rúbia, Ricardo Brunoro, Rodrigo Leite, Thiago Augusto e Thiago Ruediger.

gif de fundo branco com bonequinho desenhado com coração vermelho onde se lê “enviar abraço virtual carregando” seguido de uma barrinha de carregamento. Quando a barrinha enche, aparece “abraço entregue”

Não nos perca de vista!