[Resenha] Ultra Carnem – Cesar Bravo

0
[Resenha] Ultra Carnem – Cesar Bravo
Capa do livro. Um escuro quase preto, no centro um crucifixo elaborado, em tom avermelhado e com contorno vermelho. Em primeiro plano, um garfo prateado, com um detalhe de cabeça de bode demoniaco na ponta do cabo do garfo.

Ultra Carnem foi escrito pelo brasileiro Cesar Bravo e é composto por quatro histórias fechadas que se ligam e se complementam. O livro é recheado de muito sangue e personagens de moral deturpada.

Entrada…

Na primeira história conhecemos o garoto cigano Wladimir Lester, um pintor prodígio que foi desprezado por seu povo e deixado em um orfanato aos cuidados de um padre. O garoto logo passa a ser alvo das provocações e violência dos outros órfãos. Entretanto, a única coisa que importa para Lester é pintar com sua tinta especial da cor de sangue que ele mantem sempre consigo.

… prato principal…

O segundo caso trata de outro pintor, um sujeito obcecado pelo trabalho de Lester e que sonha em achar aquela tinta especial para criar obras maravilhosas e se tornar famoso e rico. Para isso, ele não mede esforços, se metendo em situações degradantes e passando por cima de quem quer que seja.

O terceiro conto trata de um técnico de informática que odeia sua vida. Ele está insatisfeito com seu casamento, sua casa e seu emprego. Ao prestar serviço para uma velha cigana, ele acaba aceitando pagamento na forma de um favor, o que muda completamente sua vida.

… e sobremesa

Na última história conhecemos Lucrécia, uma mulher de quase 40 anos com uma vida repleta de abusos e infelicidades. Ao atender clientes especiais na bar onde trabalha, acaba tendo uma chance de mudar de vida.

Na disputa entre o céu e o inferno nós somos o prato principal

Ingredientes

O fator sobrenatural aparece no livro logo em seu início, quando na mesma noite chuvosa em que o garoto é deixado no orfanato, o padre percebe uma presença maligna na cozinha. Fatos estranhos e aterrorizantes permeiam toda a obra, criando um clima sinistro e perturbador.

Com exceção da protagonista da última história, todos os personagens principais são pessoas horríveis: egoístas, aproveitadores, mentirosos e preconceituosos. A única coisa que o leitor consegue desejar é vê-los descendo a espiral de desgraça que eles mesmos criaram com sua ganância.

Achei incrível como Cesar Bravo consegue nos prender numa história com tanta gente ruim, nos fazendo querer saber qual a próxima coisa que eles vão aprontar e nos deixando ansiosos pelo seu desfecho.

Banquete macabro

Este definitivamente não é um livro para estômagos fracos, mas os fãs de horror e gore vão apreciar esta obra. Algumas descrições são bem gráficas no melhor estilo Hellraiser – Renascido do Inferno. E que o leitor fique ciente de que o livro é protagonizado por gente ruim fazendo ruindade, então pode ser desagradável para algumas pessoas.

Achei o livro bem escrito e que proporciona um bom ritmo de leitura. Além disso, o autor ligou bem as quatro histórias e o desenrolar das mesmas é muito satisfatório.

Nota

Quatro selos cabulosos. A nota mais alta são 5 selos cabulosos.
Quatro selos cabulosos. A nota mais alta são 5 selos cabulosos.

 

Garanta a sua cópia de Ultra Carnem!

Ficha Técnica

Não se esqueça de adicionar no seu Skoob!

Título: Ultra Carnem
Autor: Cesar Bravo
Editora: Darkside Books
Ano: 2016
Páginas: 384
ISBN: 9788594540157
Sinopse: Ultra Carnem expande em muito a mitologia criada por Cesar Bravo, dando detalhes assustadores sobre a infância e a obra maldita de Wladimir Lester, o estranho menino pintor. Além disso, o autor mostra até onde vai a fome de um homem desesperado pela fama ou por uma vida mais digna por direito. A caminhada segue sem pudores expondo a fragilidade de cada um de nós. Por fim, o leitor fica com a sensação de que nós, humanos, não devemos bancar o esperto. E que não existe a possibilidade de enganarmos o céu e o inferno.