[Resenha] Com sangue – Stephen King

0
[Resenha] Com sangue – Stephen King
Capa do livro, um fundo marrom claro, com o titulo do autor no topo. No centro, ilustração com a cara de um gato preto, no lugar do nariz do gato, um formato que lembra a cara de um rato, estranhamente se uni com o restante da ilustração. Abaixo, o titulo do livro "Com Sangue"

Além de escrever romances de vários estilos literários, Stephen King também é um excelente contista. Alguns dos seus contos foram adaptados com muito sucesso para o cinema como, por exemplo, Um sonho de liberdade e Conta comigo. Com sangue é a mais nova coletânea do autor, formada por quatro contos, e os direitos de adaptação para o cinema já foram adquiridos.

Os contos são bem diferentes entre si e abordam temas como o poder da amizade, a maldade humana e as pequenas mas fundamentais alegrias da vida.

O telefone do Sr. Harringan

O conto que abre a coletânea “Com Sangue” narra a história de amizade entre o garoto Craig e o idoso Sr. Harringan, um milionário aposentado que se mudou para a pequena cidade de Harlow onde vive sozinho em uma mansão. Os dois se conheceram quando Craig tinha nove anos e foi contratado por Harringan para ler para ele todas as tardes.

O Sr. Harringan tem o hábito de enviar cartões para seus conhecidos em datas comemorativas como Natal e aniversários. Junto do cartão ele sempre envia uma raspadinha. Craig ganha um bom prêmio com uma das raspadinhas e resolve usar parte do dinheiro para comprar um presente para o Sr. Harrington: um smartphone. Com isso, Craig mostra ao antiquado Sr. Harrington que ele pode ter acesso a informações em tempo real, o que traz alguns benefícios para o idoso e desperta ainda mais a generosidade dele para com Craig.

O conto prossegue até o Craig adulto e mostra como a amizade do Sr. Harrington, e a decisão de presenteá-lo com o telefone, tiveram papel fundamental em fatos marcantes da vida do garoto. Quando o fator sobrenatural aparece na trama, o que era um conto sobre amizade se torna uma história sombria e até mesmo cruel.

A primeira impressão que tive ao terminar a leitura deste conto é de que era uma história bastante simples e bem escrita, mas sem grande impacto. Pensando mais sobre ela, surgiram alguns questionamentos: até onde nós somos capazes de ir para ter justiça? Onde fica o limite entre justiça e vingança? São questionamentos que parecem em desacordo com base na pequena sinopse deste conto, mas que fazem todo sentido ao final da leitura.

A vida de Chuck

Este conto é divido em três atos que são apresentados em ordem inversa. No primeiro ato nós testemunhamos um mundo ruir e vemos as pessoas se voltando para aqueles que amam nos momentos finais.

Na segunda parte conhecemos Charles Krantz, ou Chuck, um cara comum dedicado ao trabalho e a família. Neste ato vemos Chuck aproveitar um momento inusitado dentro da sua rotina, algo que traz um instante de felicidade para todos que estão ao redor dele, principalmente para uma garota que estava passando por um dia muito ruim.

Na última parte encontramos o Chuck ainda criança. Após a morte de seus pais, ele passou a morar com os avós numa casa cujo sótão abriga um mistério. No final do conto, todos os atos se encaixam formando uma história tocante.

Este foi o conto que mais me emocionou. Ele é uma celebração dos pequenos momentos que fazem a vida ter valor e da grandiosidade que cada ser humano traz dentro de si. E ainda traz aquele pequeno toque de sobrenatural que os Leitores Fiéis adoram.

Eu fiz o melhor que pude, Ralph, mas pode não ser o suficiente. Apesar de todo planejamento há uma chance de que eu não saia disso viva.

Com Sangue

No conto que dá título a esta coletânea, uma escola infantil é alvo de um ataque à bomba com dezenas de vítimas fatais e feridos graves. Ao assistir as notícias desta tragédia, a detetive Holly Gibney percebe algo muito estranho e resolve investigar por conta própria. Isso porque a única pessoa que poderia ajudá-la neste caso, o detetive Ralph Anderson (protagonista do livro Outsider), está viajando com a família.

Acompanhamos então mais um passo na evolução dessa personagem que nos conquistou na trilogia Bill Hodges, e encontramos outra vez em Outsider, enquanto ela lida com questões familiares e uma investigação que pode ameaçar sua vida.

Este é o conto mais longo e também a história mais elaborada. King aborda questões como a maldade humana e o modo como consumimos notícias de catástrofes. Além disso, o autor também aborda, mesmo que de forma secundária, os problemas raciais em seu país. Ele faz isso através de outro personagem da trilogia Bill Hodges: Jerome Robinson.

A investigação tratada neste conto é bastante intrigante e os acontecimentos que levam à resolução do conflito me deixaram grudada nas páginas.

Rato

Drew Larson é um escritor frustrado. Ele conseguiu publicar um conto em uma revista de prestígio, mas sua tentativa de escrever um romance acabou num surto mental. Um dia, ele tem uma ideia para um novo romance e resolve deixar a família em casa e se isolar numa cabana, pois acha que assim terá mais concentração para escrever.

À princípio, as ideias vem facilmente e ele escreve vários capítulos, mas aos poucos isso vai acabando. Em certo momento, Drew é confrontado com a oportunidade de voltar a ser produtivo e terminar seu livro, mas precisará pagar um preço por isso.

Esta é mais uma boa história sobre escritores e os medos que rondam a profissão. Achei o fator sobrenatural bastante bizarro e com um ar de conto de fadas sinistro.

Balanço final

Esta coletânea traz contos com temas muito diferentes entre si, mas que estão sempre presentes na obra de Stephen King. Alguns contos são imediatamente impactantes, outros nos levam a uma reflexão posterior. Enfim, mais um acerto do Mestre.

Nota

Quatro selos cabulosos e meio. A nota mais alta são 5 selos cabulosos.
Quatro selos cabulosos e meio. A nota mais alta são 5 selos cabulosos.

 

 

 

 

Garanta a sua cópia de Com Sangue e boa leitura!

Ficha Técnica

Não se esqueça de acrescentar no seu Skoob

Título: Com Sangue
Autor: Stephen King
Tradutora: Regiane Winarski
Editora: Suma
Ano: 2020
Páginas: 400
ISBN: 9788556510976
Sinopse: Do mestre do terror, uma nova coleção de contos que levará os leitores a momentos aterrorizantes da vida… e da morte. Brilhante em narrativas curtas, King já escreveu alguns contos que viraram sucesso em todo o mundo, como as histórias que inspiraram os filmes Conta comigo e Um sonho de liberdade.

Neste livro, assim como em Quatro estações e Escuridão total sem estrelas, ele cria uma coleção única e emocionante, demonstrando mais uma vez por que é considerado um dos maiores contadores de histórias de todos os tempos. Este é um livro sobre amor, amizade, talento e justiça… em suas formas mais deturpadas. Em Com sangue, Stephen King reúne quatro contos com protagonistas inteligentes e complexos, que têm sua vida comum transformada por algum elemento inexplicável.