[Resenha] A Guerra do Lobo – Crônicas Saxônicas #11

0
[Resenha] A Guerra do Lobo – Crônicas Saxônicas #11
Recorte da capa do livro. Ilustração com fundo cinza claro, à esquerda, um guerreiro de perfil, usando capacete, armadura, uma faixa vermelha no peito, e barba longa. À direita o título do livro e nome do autor.

A Guerra do Lobo” é o décimo primeiro livro da saga Crônicas Saxônicas de Bernard Cornwell. Aqui no Leitor Cabuloso temos resenhas de outros livros e também episódios de podcast sobre a saga. Tendo dito isso, vamos ao que interessa, a nova resenha: Ao longo de dez livros, acompanhamos a vida de Uhtred até a conquista de seu principal objetivo de vida: recuperar Bebbanburg. Acredito que muitos leitores ficariam satisfeitos se a série se encerrasse neste ponto, mas Cornwell ainda tem muito mais para contar sobre a vida daquele guerreiro.

Em A Guerra do Lobo, a Mércia está sofrendo com rebeliões após a morte da rainha Æthelflaed, o que facilita a invasão de noruegueses. Dentre os invasores se destaca o líder Sköll Grimmarson e seu grupo de guerreiros lobos, os chamados úlfhéðnar. Esses guerreiros são muito temidos pois são muito agressivos e não sentem medo devido a ingestão de uma preparado de ervas alucinógeno.

Sköll também deseja conquistar a Nortúmbria, território comandado pelo genro de Uhtred, Sigtryggr. Além de enfrentar as investidas de Sköll, Sigtryggr sofre pressão do rei Eduardo de Wessex para que a Nortúmbria se torne um reino cristão e perca cada vez mais força, facilitando a criação de um reino único, desejo do falecido rei Alfredo. Dessa forma, Uhtred e Sigtryggr se vêem no meio de uma luta desesperada.

Os juramentos e as batalhas

Uhtred parece ter ficado mais supersticioso com o passar dos anos, sempre buscando presságios seja na chama de uma vela, seja no voo de um pássaro. A idade pesa e ele se preocupa que haja descendentes seus para que Bebbanburg permaneça sob comando de sua família. Novos juramentos são feitos e a disputa pelo seu apoio continua pois mesmo sendo mal visto por ser pagão e estar velho, sua reputação ainda vale muito e é desejada pelos poderosos.

Os gritos de guerra eram altos. Corvos e águias
Estavam ávidos pela carne dos cadáveres. A terra tremia.
Homens arremessavam suas lanças afiadas com limas,
Flechas eram disparadas, escudos atingidos pelas espadas.
Amarga foi a arremetida…

Este novo capítulo da vida de Uhtred mantém a qualidade da série com todos os elementos que gostamos: lutas sangrentas, disputas políticas e religiosas e, é claro, juramentos. Adicionando as dificuldades inerentes do guerreiro mais velho, Cornwell constrói mais uma obra excelente para os fãs do gênero. Que venham mais volumes dessa série!

Nota

4 selos cabulosos e meio

Garanta a sua cópia de A Guerra do Lobo e boa leitura!

Ficha Técnica

Nome: A Guerra do Lobo
Autor: Bernard Cornwell
Tradutor:
Edição:
Editora: Record
Ano: 2019
Páginas: 378
ISBN: 9788501117359
Sinopse: Lorde Uhtred de Bebbanburg sabe que a paz ainda é um sonho distante. Embora tenha vencido a batalha pelo seu lar ancestral, rebeliões ameaçam a Mércia e os noruegueses espreitam em busca de oportunidades de invadir as terras. Com o reino num turbilhão, Uhtred fica frente à frente com o rei Sköll, um sanguinário líder norueguês que comanda um exército de úlfhéðnar, os guerreiros do lobo, determinado a dominar o reino ― e matar todos em seu caminho. Cercado e em inferioridade numérica por esses novos inimigos, Uhtred tem que contar com sua habilidade e sua coragem para sobreviver e evitar que sua querida Nortúmbria caia nas mãos das hordas invasoras.