Para Educar Crianças Feministas – Chimamanda Ngozi Adichie – Cia. da Letras

5

Depois de “Sejamos Todos Feministas“, Chimamanda nos presenteia com Para Educar Crianças Feministas que é, na verdade, uma carta enviada para sua amiga que acabou de ter uma filha e questionou Chimamanda sobre como criá-la como feminista.

O livro é dividido em quinze dicas tanto para a criança quanto para a mãe. Chimamanda pede à sua amiga para abandonar alguns costumes de sua cultura, costumes esses que são bem parecidos com os da nossa própria cultura.

“Ensine a ela que ‘papéis de gênero’ são totalmente absurdos. Nunca lhe diga para fazer ou deixar de fazer alguma coisa ‘porque você é menina’. ‘Porque você é menina’ nunca é razão para nada. Jamais.”

Você pode estar pensando: “Mas sou mãe/pai de um menino, então esse livro não serve” e está enganado(a)! O título do livro já revela que é uma obra para criar CRIANÇAS feministas, não necessariamente uma menina. Você deve criar seu filho para que ele pense que papéis de gênero são absurdo, para fazer as tarefas domésticas juntos, independente do gênero e todas as demais dicas do pequeno manifesto. Assim como em “Sejamos Todos Feministas”, Chimamanda não restringe a luta pela equidade de direitos a um gênero somente.

Em Para Educar Crianças Feministas, Chimamanda nos lembra que uma das formas de termos um mundo melhor, começa na educação das nossas crianças. Em não propagar os nossos erros e mudar gradualmente o nosso modo de tratar não só as mulheres, mas o que é considerado diferente.

“Ensine-lhe sobre a diferença. Torne a diferença algo comum. Torne a diferença normal. Ensine-a a não atribuir valor a diferença. E isso não para ser boazinha, mas simplesmente para ser humana e prática. E, ao ensinar-lhe sobre a diferença, você a prepara para sobreviver num mundo diversificado.

Para Educar Crianças Feministas tem o total de 96 páginas e dá pra ler em uma sentada. Por isso, ele é perfeito para presentear mamães e papais que desejam uma formação igualitária dos futuros adultos.

Nota:

Ficou interessado(a)? Então compre o livro nos links abaixo:

Amazon (livro físico)  
Amazon (ebook)
Submarino

Não esqueça de adicionar o livro no Skoob

Nome:
 Para Educar Crianças Feministas
Autor: Chimamanda Ngozi Adiche
Edição: 1ª
Editora: Companhia das Letras
Ano: 2017
Páginas: 96
Sinopse: Após o enorme sucesso de Sejamos todos feministas, Chimamanda Ngozi Adichie retoma o tema da igualdade de gêneros neste manifesto com quinze sugestões de como criar filhos dentro de uma perspectiva feminista. Escrito no formato de uma carta da autora a uma amiga que acaba de se tornar mãe de uma menina, Para educar crianças feministas traz conselhos simples e precisos de como oferecer uma formação igualitária a todas as crianças, o que se inicia pela justa distribuição de tarefas entre pais e mães. E é por isso que este breve manifesto pode ser lido igualmente por homens e mulheres, pais de meninas e meninos. Partindo de sua experiência pessoal para mostrar o longo caminho que ainda temos a percorrer, Adichie oferece uma leitura essencial para quem deseja preparar seus filhos para o mundo contemporâneo e contribuir para uma sociedade mais justa.

  • Eu tenho esses dois livros dela, o “Para Educar” ainda não li, mas está no meu topo de prioridades, parece que é tão bom quanto imaginei 😀

  • Jonh Grisham Brasil

    É necessário uma perspectiva mais universal.

  • Jonh Grisham Brasil

    A perspectiva feminista é muito limitada e idiotizante. Educar crianças assim é perda de tempo.