Autor de “Orgulho e Preconceito e Zumbis” é processado

6

Seth Grahame-Smith autor de Orgulho e Preconceito e Zumbis e Abraham Lincoln: Caçador de Vampiros está sendo processado pela gigante Hachette por quebra de contrato.

Segundo a editora, houve um acordo com o autor de 4 milhões em 2010, dos quais 1 milhão foi pago adiantado, para entrega de duas novas obras. Grahame-Smith entregou O Último Vampiro Americano, a sequência de Abraham Lincoln: Caçador de Vampiros, em janeiro de 2015 e o prazo de entrega do segundo livro foi estendido de 2013 para 2016.

O segundo manuscrito foi entregue em junho deste ano e a empresa alega que boa parte é uma apropriação de um trabalho-de-domínio-público-de-120-anos e que não chega ao estilo e qualidade de seus livros anteriores.

A Hachette está processando Grahame-Smith e sua empresa Baby Gorilla em pelo menos U$ 500.000, ou seja, metade do adiantamento que fizera um ano antes acrescido de juros.

Via The Guardian

  • “não chega ao estilo e qualidade de seus livros anteriores.”

    Se isso já é ruim, imagina quando não chega nem perto?
    SHASHAHSHASHAHSASHA

  • Rick Galasio

    Sem entrar no mérito de qualidade literária. Sabe-se que livros nascidos de parto normal, e não cesarianas, são muito mais saudáveis. Mas este tipo de coisa acontece quando artes viram “fast food” e você tem que se espremer pra pra botar o ovo do dia. Quando a galinha dos ovos de ouro não bota, sempre tem algum “gênio” com uma faca e ideias cirúrgicas.

    • Laércio Léo Pedrozo Hardock

      Deve ser por isso que o primeiro livro de um escritor muitas vezes costuma ser o melhor. Aquele que ele fez com calma e que as vezes demora anos pra ficar do jeito que ele quer.

  • Eita

  • Isabella Giordano

    queria saber que livro é esse de 120 anos

    • Ismael Domingues

      bem, Drácula tem 120 anos que foi escrito