[Coluna] Wattpad, Vitrine gratuita democrática S/A

11

Fala galera,

nosso público aqui no Leitor Cabuloso é de leitores como o próprio nome indica. Vários de nós, leitores, sonhamos em diversos momentos, e com diferentes níveis de preparação, em passar para o outro lado e também começar a escrever. Muitos desses sonham com fama e glória.  Mas isso é um possível fim, e não o começo, dessa jornada. Ao mesmo tempo, vários desses escritores só estão interessados em se expressar, encarando a atividade como um hobby, e não uma profissão: alguns só estão procurando alguma estrutura a fim de começar sua jornada rumo à uma carreira artística. Hoje todas essas vertentes, e diversas outras, vem se encontrando em um único lugar, um espaço virtual, o Wattpad.

O Wattpad começou em 2006 no Canadá como a colaboração de 2 amigos. Em 2007, eles anunciaram a incorporação de milhares de livros originados do Projeto Guttenberg que oferece conteúdo livre de direitos autorais gratuitamente. Esse movimento tornou todo esse catálogo disponível facilmente para leitores online em celulares / tablets.

Desde então seu crescimento é invejável com valores e metas claras. Allen Lau tem três definições para sua empreitada em parceria com Ivan Yuen:

“Uma nova experiência de leitura e escrita que permite a criação de relações pessoais e bilhões de novas histórias.  Juntos com a multidão nós possibilitaremos o futuro do storytelling”.

A versão resumida fala simplesmente:

“Nos tornarmos uma comunidade de 1 bilhão de usuários focada na leitura e na escrita.”

Mas, se essa versão ainda está complicada ele pede que você se lembre de três coisas que vão tornar tudo mais claro para os envolvidos com a plataforma: “Comunidade, Leitura, Escrita”

Essa é uma comunidade que reúne escritores ligados a fanfics, entusiasmados escritores de material inédito e renomados escritores. São publicados artigos, crônicas, contos, livros, trilogias épicas, entre outras coisas. Em suma, se você está lendo ou escrevendo você é bem vindo a comunidade, incentivado a escrever, orientado se necessário (ajuda é frequentemente oferecida). Por falar nisso, me lembro de que logo que me juntei a uma das comunidades no Facebook para tentar entender o funcionamento disso tudo, o Peterson Rodrigues se ofereceu para me ajudar, explicar o funcionamento, me incentivou a ler e a escrever. Até onde entendi esse é um comportamento frequente na comunidade por parte desses embaixadores do Wattpad.

Seguindo essa onda, desengavetei um texto meu, selecionei uma das diversas capas padrão do Wattpad covers e descobri com alegria que elas permitem um alto grau de customização através de ferramentas e filtros.  Publiquei meu primeiro conto (que você pode conferir) a fim de poder escrever essa coluna. A diagramação, produção, criação foi rápida assim como sua publicação. Mais material pode ser esperado no futuro próximo.

Mas por que Wattpad?

ForWritersHughHowie No meu caso posso dizer que eu não tenho interesse em vender o material que produzo. Tenho uma carreira como engenheiro e encaro a escrita como um hobby. Meu primeiro impulso foi de que eu gostaria de publicar na Amazon. O kindle é a plataforma que uso há muitos anos e queria muito fazer parte daquilo. Foi com tristeza que descobri que seria obrigado a cobrar para publicar na Amazon (podendo reduzir a zero o preço uma ou duas vezes por ano). Foi quando percebi que o Wattpad poderia ser a resposta: uma comunidade de leitura e escrita.

Junte-se a nós e conte sua história!

Conte aqui nos comentários, ou em uma crônica no Wattpad ou Medium (uma outra ferramenta com proposta semelhante, mas com a qual estou menos familiarizado) a sua história, publique e compartilhe conosco! E se você acha que não tem nada a dizer, ou não sabe como, saiba que Hugh Howey, que deve ser o maior autor ligado a auto publicação na atualidade, publicou um livro de dicas de escrita para você.

Onde? No Wattpad.  Corre lá!

E hoje fico por aqui, torcendo para ver seus textos por aí.

Abraços,

Rodrigo Fernandes

 

 

 

  • Uma coisa que não entendo no Wattpad, como as pessoas ganham dinheiro lá?

    • Até onde vi e estudei você não ganha, Jonas. Você pode eventualmente ganhar visibilidade e acabar migrando para plataformas pagas. Grandes autores que estão no Wattpad devem ter acordos com eles. Usam a plataforma como laboratório e são convidados pelo Wattpad para darem oficinas online, eventos de onde uma parte deve conseguir alguma remuneração. De toda forma a base do Wattpad parece ser sem fins lucrativos.

      • Vish O_o
        Que furada rsrss

        • Como eu falei existem diferentes plataformas para diferentes objetivos. Meu objetivo, como mencionei no texto, não é monetizar minha escrita. Isso tornou o Wattpad atraente para q eu publicasse. A coluna relata minha experiência.
          Vc sempre pode utilizar outras plataformas q atendam sua expectativa. Se é monetizar o q vc escreve eu tenho ouvido falar bem da Amazon.

          • Altemar Gavião

            A coisa toda é sem fins lucrativos, mas a vantagem que eu vi foi, lá parece ser a rede social das fanfics, então se tem alguma coisa que você goste e queira escrever sobre, você pode fazer isso lá. Basta lembrar que 50 tons de cinza nasceu de uma fanfic, para você pensar que a plataforma tem potencial, sim, para quem souber usar. Inclusive, eu já criei meu perfil. Confiram aí: https://www.wattpad.com/user/Altemar_Gaviao

          • Caro Altemar, Fanfic faz sim parte do ambiente do Wattpad. Inclusive são muito populares e estou pensando em resgatar duas minhas escritas há muito tempo e colocar lá para consolidar tudo que escrevi em um único lugar. Apesar disso a diversidade da comunidade é muito grande passando pela autoajuda, clássicos em domínio público, fantasia, terror… O importante é ler e/ou escrever.

          • Altemar Gavião

            Bem apontado.

  • WilsonBemloco

    Eae Rodrigo, tudo bem?
    Ótimo texto, e muito bem explanado. Além de ser essencial pra motivar alguém a publicar o que escreve.
    Eu já conhecia o wattpad, já fazia alguns meses, mas tive receio de publicar o que escrevo (medo, ser considerado ruim, achar perda de tempo, ou todos os motivos e mais alguns). Mas tive uma boa experiência com o site e recomendo a todos!

    • Esse receio é muito comum, eu mesmo mantenho um blog há muitos anos onde quase nunca escrevo ou divulgo. Lá os posts são mais diversos. O material que escrevo só começou a ser realmente divulgado depois de apresentar a proposta da primeira coluna do Era Uma Vez Rapidinho e me juntar a Equipe Cabulosa. Meta a cara e continue escrevendo. Um texto não agradou, a solução pode estar no próximo. Sempre tente, sempre ouse.
      []
      Rodrigo

  • Acho que o termo “democrático” pode simplificar ainda mais o Wattpad. Todos podem usar, tanto para ler quanto para escrever. No meu caso, disponibilizo os meus textos por que precisamos de opiniões, elogios e críticas. O aplicativo é um ótimo lugar para colhermos esse feedback. Parte do meu livro (Hollen Anjo Caído) encontra-se por lá, assim como outros contos, que escrevo por diversão e para treinar a escrita! Gosto do Wattpad e creio que as editoras estão de olho para conhecer novos talentos. Talento é igual a extração de pedras precisosas, tem que garimpar e o Wattpad é um terreno fértil! =)

    • Fernando, muito obrigado pelo seu comentário. É bom ver escritores de carreira discutindo o assunto. Como falei lá em cima vários dos meus autores favoritos tem páginas no Wattpad e as utilizam como balões de ensaio. O Barreto já publicou um texto em inglês que acabou tirando depois, Jake Kerr, Hugh Howie, Eric Novello, Kary English… são muitos os autores profissionais experimentando com esse ambiente.Muitos novatos também tem sido descobertos na ferramenta após produzirem bons textos e resultados. Lembro do Spohr em uma entrevista dizendo que costumava indicar para o seu editor bons títulos e autores que ele encontrava na ferramenta ampliando assim o conceito fundamental para os fundadores do Wattpad: Somos uma comunidade de pessoas ligadas a leitura e escrita.
      []
      Rodrigo