[Mangá] Confira os lançamentos da Editora JBC

4

No último sábado (21) aconteceu o Henshin! +, evento da que comemorou os 20 anos da Editora JBC e foram anunciadas muitas novidades:

Relançamento de Eden – It’s an Endless World!

Eden

A editora surpreendeu a todos com um anúncio de relançamento. Diferente de antes, quando os relançamentos eram mangás que a própria editora havia trabalhado – casos de Sakura, Rayearth, Love Hina, Rurouni Kenshin e Yu Yu Hakusho – agora ela opta pelo lançamento de um mangá cancelado anteriormente pela Panini. Trata-se de Eden – It’s an Endless World, mangá de Hiroki Endo concluído com 18 volumes entre 1998 e 2008. O mangá chegou a ser lançado no Brasil pela Panini em 2003, em um dos primeiros lançamentos da editora (tanto que vinha em formato meio-tanko e páginas espelhadas). Depois de um tempo – e muito rolo – o mangá foi cancelado com 23 edições (cerca de 12 da original), quase 10 anos atrás.

Não é a primeira vez que uma editora utiliza-se de republicações de outras. A própria JBC chegou a publicar Evangelion e Cavaleiros do Zodíaco (ambos da Conrad), enquanto a Panini conta no seu catálogo com Dragon Ball, One Piece e Monster (todos da Conrad também). Quando um contrato expira ou é quebrado, qualquer editora pode tentar negociar um título novamente.

A história acontece em meio ao pânico de uma pandemia mundial que mata 15 por cento da população e aleija muitos mais, uma organização secreta, a Propater, derruba a ONU e toma o controle de grande parte do mundo. Um menino e uma menina, criados em um centro de pesquisa virologia abandonado, imune ao vírus, são atacados pelo Propater e fogem. Baseado fortemente na mitologia gnóstica, todos os personagens principais são nomeados com base em divindades gnósticos, e têm funções análogas.

Mais detalhes serão revelados em breve.

Adicione o mangá na sua conta do myanimelist.

Lançamento de Terra Formars

Terra-Formars

E finalmente chegou o tão esperado Terra Formars, mangá de Sasuga Yu e Tachibana Kenichi serializado desde 2011 na revista seinen Young Jump. Atualmente o título se encontra com 12 volumes e está em andamento. Em 2014, a série ganhou uma adaptação animada pra TV em 12 episódios e 2 OADs que acompanharam os volumes 10 e 11 do mangá. Embora a repercussão não tenha sido como o esperado (muitos acreditavam que a série seria o novo Ataque dos Titãs), o mangá conseguiu um up razoável nas vendas – que já eram muito boas – no Japão.

A história de Terra Formars se passa por volta do ano de 2577, quando os seres humanos, em busca de uma expansão espacial e de um novo lar, decidem preparar uma colonização de Marte. Cientistas mandam para lá criaturas bem conhecidas dos humanos: baratas. A ideia era ter a certeza que tudo em Marte teria o clima perfeito para a adaptação de nossa espécie. Contudo, uma estranha reação fez com que o primeiro ônibus espacial humano que chegou ao local encontrasse com as mesmas baratas mas em terríveis imagens humanoides, com um grande poder de destruição. A missão então vira outra: destruir e matar todas as baratas mutantes. Porém a batalha não será tão fácil quanto esmagá-las com um chinelo.

Mais detalhes serão revelados em breve.

Adicione o mangá na sua conta do myanimelist.

Fizemos uma resenha do anime que você pode conferir aqui.

Relançamento de Chobits

chobits

A JBC confirmou o relançamento de mais um mangá do CLAMP. Dessa vez é Chobits, mangá de 8 volumes lançado na revista seinen Young Magazine em 2000. A série foi publicada no Brasil em meados dos anos 2000 em formato meio tanko, com 16 volumes. Agora a JBC republicará a série no mesmo formato de outros mangás como Love Hina, Rurouni Kenshin, Card Captor Sakura e Rayearth – ou seja, em tanko completo.

A história acompanha o jovem Hideki, um cara como outro qualquer no século 22. Ele só quer um bom trabalho, um bom carro, e um robô-namorada sexy para chamar de seu. Até que ele consiga um emprego, ele nunca vai ser capaz de comprar sua própria ‘Persocom’ – como são chamadas as tais robôs. A sorte de Hideki muda quando ele descobre Chi – uma adorável mas aparentemente burrinha ‘Persocom’ – amarrada em uma pilha de lixo. Seu primeiro robô -companheiro acaba por ser muito mais responsabilidade do que ele esperava, e ela acaba o colocando em muitas situações embaraçosas. É ‘boy-meets-girl’ da era cibernética.

Adicione o mangá na sua conta do myanimelist.

Lançamento de Ghost in the Shell

GhostInTheShell

A editora JBC anunciou um presente para os fãs de Sci-Fi. Trata-se de Ghost in the Shell, mangá de Masamune Shirow que deu origem ao conceituado filme animado e que ganhará uma adaptação americana em breve (com Scarlett Johansson no papel principal). A obra original foi lançada na revista seinen Young Magazine no ano de 1989, em um volume completo. Ele ainda ganhou duas continuações diretas – Ghost in the Shell 1.5 e Ghost in the Shell 2 – mas ainda não temos a informação se esse material virá, de fato, para o Brasil. O mangá deverá vir com um formato para livrarias (preparem seus bolsos) e um acabamento superior ao que conhecemos. Ainda não há data de lançamento.

Em um futuro próximo, a tecnologia tem formado firme raiz na sociedade em geral. Implantes cibernéticos não são nada incomuns e robôs vagam tão abundantes como os seres humanos, todos conectados através de seus “Ghosts” para os fluxos de dados eletrônicos da rede. A tenente Kusanagi Motoko e a Seção 9 de Segurança Pública  encontram-se em uma batalha constante com a onda recém criada de terroristas tecnológicos e de ciber-hackers. Mas as coisas tomam um rumo inesperado quando Motoko se encarrega de um determinado caso envolvendo um extremamente perigoso hacker “Ghost” apelidado de Puppeteer. A partir desse caso, ela mergulha cada vez mais fundo na realidade ilimitada da rede para chegar a suas próprias conclusões surpreendentes.

Adicione o mangá na sua conta do myanimelist.

 

A editora também anunciou o retorno de Marcelo Del Greco, editor responsável pelos títulos da editora por mais de uma década. Del Greco assumirá uma nova linha de mangás da JBC dentro do selo INK Comics, criado em 2014 para publicar titulos diferentes da linha editorial tradicional (como Henshin! Mangá e e os anunciados Combo Rangers e Robô Esmaga, dois álbuns nacionais). O primeiro lançamento do INK sob os cuidados de Del Grego sairá em 1º de abril.

E aí, quais títulos interessaram? Gostaram das novidades?

Fonte

  • Wesley Nunes

    É tão bom ver que o mercado de mangás está dando uma
    variada.

    Todos de sci-fi, mas com histórias bem distintas.

    Vendo a capa de terra formars logo pensei “deve ser um mangá
    sério”. Lendo a descrição me pareceu meio galhofado “baratas”. É um esquisito
    que chama a atenção, até onde essa história vai chegar

    Ghost in the Shell é super bem conceituado e sempre tive
    muita vontade de ler. Vemos nele muito de Cyber Punk, um pouco de matriz e
    conceitos filósofos pesados sobre o que é a vida.

    • Oi Wesley, é bom mesmo ver o mercado variado com títulos não só shounens, de lutas com mais de 50 volumes.
      Deixei o link da resenha do anime de Terra Formars, depois dá uma olhada. Ele trata o clima seriamente, mas não curti muito, esperava mais.
      Tb estou curiosa com Ghost in the Shell 😀
      Obrigada pelo comentário!

      • Wesley Nunes

        Valeu pelas informações.

        Como são muitos títulos hoje em dia para acompanhar, vou
        optar em não ler Terra Formars.

        Ansioso por Ghost in the Shell.

        Quem sabe o Ghost in the Shell fazendo sucesso, alguma editora se anima para publicar o mangá Pluto.

        • Estou torcendo para que depois de Monster, que acaba logo, a Panini publique Pluto, que é do mesmo autor 😀