[Notícia] Filmagens de Inferno de Dan Brown iniciam em fevereiro

5

dbinferno

Inferno, a adaptação ao cinema do quarto livro do escritor Dan Brown sobre o criptologista Robert Langdon, começa a ser filmado em fevereiro, segundo o Deadline.

Tom Hanks, que interpretou Langdon em O Código Da Vinci e Anjos e Demônios, está confirmado no filme, que novamente terá Ron Howard na direção. David Koepp escreve o roteiro, que colocará Langdon na busca para evitar uma praga global, seguindo pistas de A Divina Comédia.

A Sony marcou o lançamento para 18 de dezembro de 2015.

Bom, para quem é fã, acho que já esperavam pular O Símbolo Perdido. A pergunta é: por quê?

Fonte

  • Victor Hugo Oliveira

    Deve faltar em Símbolo Perdido o aspecto religioso(cristão) que se marcou tão forte no Codigo Da Vinci e virou sinônimo de Dan Brawn, polêmica vende mais. Digo isso porém sem ter lido nem Símbolo Perdido ou o Inferno (pensei ler esse, mas os comentários me afastaram). Mas verei o filme num sábado mais enfadonho qualquer com prazer \o/.

    • Victor, eu já acho que o Símbolo Perdido poderia causar polêmica demais, porque ele trata da maçonaria e uma teoria sobre a história da constituição que a torna duvidosa. Foi o último livro que li do Dan Brown, como são todos a mesma linha de história, é o suficiente.
      Abraços!

      • Ao contrário do que é para nós, brasileiros, o assunto “maçonaria”, nos EUA, já é muito batido. O fato de haver pirâmides e figuras exotéricas até nas notas de dólar, é muito conhecido. Já falar de intrigas no seio da Igreja, é muito mais impactante. A igreja católica esteve no noticiário americano, muito recentemente, relacionada às denúncias de pedofilia. Portanto explorar as fraquezas da Igreja, seus vícios e defeitos, vem muito mais de encontro às estratégias comerciais de Hollywood. É isso.

  • Diego Cavalcanti

    Uma resposta meio doida que talvez faça sentido. Talvez seja mais “fácil” expor a igreja católica como ele fez no código da vinci e no anjos e demônios, do que os segredos da maçonaria norte-americana que é o tema do seu livro o símbolo perdido, como fã do Dan brown eu tb sinto muito essa falta de adaptação do livro.

    • Diego, como eu disse para o Victor acima, acho que é exatamente o ponto.
      Obrigada pelo comentário!
      Abraços!