CabulosoCast #82 – Drops: Garota Exemplar, Harry Potter e Game of Thrones

31

vitrine 960 CCOlá Cabulosos! Sejam muito bem-vindos a mais um CabulosoCast! E neste capítulo, Lucien o Bibliotecário (@lucienobiblio10) e Priscilla Rúbia recebem, do blog Tédio Social, Amanto Moura (@TeoriaMetalica) para falar do trailer de Garota Exemplar, da nova série de livros baseada no universo de Harry Potter e do pacto que George R. R. Martin (autor de As Crônicas de Gelo e Fogo) fez para não morrer antes de concluir os seus livros; tudo isso e muito mais você encontra aqui no Drops deste semana. Bom episódio para vocês!

Citado na leitura de e-mail’s

Citado durante o episódio

Mídias Sociais

Assine nosso Feed

Assine nosso feed http://feeds.feedburner.com/cabulosocast

Nossa Página no iTunes

http://itunes.apple.com/br/podcast/leitor-cabuloso-literatura/id549022839

Nossa Página na Kombo Podcasts

http://www.dimensaonerd.com/category/podcast/cabulosocast/

Nossa Página do You Tuner

http://youtuner.co/index/results?s=cabulosocast&x=0&y=0

Nossa Página no FalaCast

http://www.falacast.com.br/eqbws9vm

Quer nos Enviar uma E-mail?

Quer enviar um e-mail comentando algo que ouviu no programa? Quer enviar um link ou algum material que complemente as informações do podcast? Escreva para cabulosocast@gmail.com

Quer Deixar uma Mensagem de Voz

Mande seus recados de voz para o nosso CabulosoCast deixando sua mensagem na nossa secretária eletrônica do GTalk! É só ligar para cabulosocast@gmail.com

Tamanho do Episódio:  64 minutos

Quer baixar o episódio em arquivo rar?

Para baixar a versão em zipada clique aqui, em seguida cole o link de download e clique na opção convert file.

Para fazer o Download do episódio clique aqui.

Atenção!!!

Para ouvir basta apertar o botão PLAY abaixo ou clique em DOWNLOAD (clique com o botão direito do mouse no link e escolha a opção Salvar Destino Como para salvar o episódio no seu pc). Obrigado por ouvir o CabulosoCast!

  • Olha eu aqui nos comentários! \o/ Aê!
    Chefinho Lucien (só pra causar! hahaha) obrigada pela edição maravilhosa no Drops!
    Mundo, #enjoy! A edição ficou maravilhoooooooooooooooooosa!!! =D

    Primeiro compromisso do sábado: Acessar o LC e baixar o CabulosoCast! hahaha +.+

    Em segundo: Bom demais saber que tanta gente curtiu o #81! =D Valeu pessoas lindas! =*
    Terceiro: Campanha do dia – Cast sobre livros da Segunda Guerra Mundial!!! <3 (to indo na carona do rapaz simpático que mandou e-mail 😉 )
    Quarto: George Martin não pode morrer! Ooooh, quem pode pode! Só porque ele mata todo mundo, vai ver que ele conseguiu um acordo pessoal! hahahaha
    Quinto: Nem vou comentar que estou ansiosa pela adaptação do Garota Exemplar! Viva a polêmica! hahahaha Esse, será, sem dúvidas mais um filme que o pessoal sairá pasmo com a idéia geral, mas duvido que ao ler o livro a pessoa não saia com a mesma sensação. Afinal, é um livro que dá essas reviravoltas! =)
    Sexto: Adoro spoilers, principalmente para incomodar as pessoas ao meu redor, meu namorado que sabe! hahahahaha Mas, sinceramente, como nós mesmos falamos: se passou na TV americana, foi ao ar na TV brasileira e você não viu em dois dias, meu querido não é spoiler você é que está atrasado! hahaha E isso vale para o caso Game of Thrones! =P

    E vamos causando!!! 😉

    • Domenica,

      Um CabulosoCast que sobre livros que são ambientados na 2ª Guerra seria incrível, hein?

      Garota polêmica, hein? Você é a favor dos spoilers, né? Hum, discordo do seu argumento, por motivos que já expliquei no cast.

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços.

      • Lucien,
        Seria incrível sim! Eu acho! =) Voto a favor na comunidade Cabulosa por termos um CabulosoCast sobre livros ambientados na 2ª Guerra Mundial! o/ Hail! =D
        Concordo plenamente com o que você disse no CabulosoCast: como dizia seu pai, com relação ao seu espaço acaba ao invadir o do outro, ou similariedade.
        Por isso que eu digo sempre que o bom senso tem que prevalecer.
        Sempre vão existir pessoas que ainda não leram a obra ou viram o filme ou a série.
        Tudo varia de acordo com a forma no qual as pessoas se comportam.
        O que houve com o episódio do Game of Thrones, foi sem sombras de dúvida uma forma de demonstrar alguns aspectos da característica humana bastante desagradáveis. Mas, ao meu ver, o erro não foi o spoiler em si e sim como e a hora que ele foi feito. Mas, o principal que me deixou chocada foi a reação das pessoas que foram criticadas por isso, que agiram com imaturidade, preconceito e arrogância.
        Passados três ou quatro semanas talvez fosse impossível você não ver ou receber algum comentário a respeito, afinal a série é uma das mais (senão a mais) assistidas da atualidade. E um fato leva a outro, então talvez ingenuamente ao comentar algo atual alguém soltasse o spoiler ou outro.
        Talvez seja um daqueles malefícios da internet, da rapidez de troca de informação.
        Na verdade, eu não ligo para spoilers. Nunca liguei. O motivo? Não leio ou assisto filmes apenas pela história contada. Você pode me contar toda a saga de um livro, mas nunca me dirá com as palavras do autor. Você jamais conseguirá atuar e ambientar uma cena de cinema e tudo o mais. Então, eu aceito mais numa boa do que muitas pessoas.
        Por outro lado, as vezes apenas digo: “Uau, que episódio magnífico!” “Nossa, leia esse livro, porque… cara… vale muito a pena!” e vem muitas pessoas “Nadaaaaaaaaaaaaaaaa de spooooileeeer!”
        Por isso fiz a referência do que ao meu ver é spoiler. Spoiler é quando é novidade. Agora, se já passou um valor considerável de tempo e eu não vi, não é mais spoiler, ao meu ver. Do contrário, jamais poderiam haver discussões sobre isso. Seria uma espécie de autoritarismo que impede a troca de informações. Entende?
        Mas sem sombras de dúvida, tem lugares próprios para isso.
        Para sobrevivermos apenas nos resta adicionar os aplicativos que bloqueiam esse tipo de informação em redes sociais e sites e nos mantermos meio que desconectado do mundo cibernético preenchido pelos mesmos humanos que são mal criados no mundo offline.
        Forte abraço e ótima semana! =)

  • Diego Cavalcanti

    Muito Bom dia !!!
    No sábado tenho compromisso, baixar, escutar e comentar o cast do Leitor cabuloso. Foram duas árduas semanas sem o cast e hoje já baixei o episódio e escutei a leitura de e-mails, cara, como é que o Rafael não sabe onde fica Maranguape kkkkkkkkkk, brincadeira, sei que se não me ESCONDESSE aqui também não saberia onde fica isso.
    Mandarei notícias em breve, enquanto isso fico por aqui!
    abraços.

    • Diego,

      Quem leu a leitura de e-mails comigo foi o André.

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços.

  • Olás!

    Sobre terem proibido o Martin de morrer: tenho a teoria de que ele ganha 1 ano de vida a cada 10 personagens mortos.
    O que, segundo os últimos cálculos, garante mais uns 30 anos de vida.

    E sobre os spoilers: pelo que sei, o 4º capítulo da série deu um spoiler enorme até pra quem lê os livros.

    abraços

    • Nilda,

      É uma ótima teoria! 😀 Acho que o Martin virará imortal nesse pé!

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços.

  • Mayara

    Ah, era Quinhentismo ,Renascimento foi um lapso.

  • Leonardo Garcia

    Lucien

    Gostaria de recomendar o livro As mentiras de Locke Lamora de Scott Lynch. Personagens carismáticos e aventura de primeira

    • Leonardo,

      Agradeço a indicação, mas a história fala do quê?

      Abraços.

      • Leonardo Garcia

        Lucien, segue sinopse (retirada do Skoob) de As mentiras de Locke Lamora de Scott Lynch

        O Espinho é uma figura lendária: um espadachim imbatível, um especialista em roubos vultosos, um fantasma que atravessa paredes. Metade da excêntrica cidade de Camorr acredita que ele seja um defensor dos pobres, enquanto o restante o considera apenas uma invencionice ridícula.
        Franzino, azarado no amor e sem nenhuma habilidade com a espada, Locke Lamora é o homem por trás do fabuloso Espinho, cujas façanhas alcançaram uma fama indesejada. Ele de fato rouba dos ricos (de quem mais valeria a pena roubar?), mas os pobres não veem nem a cor do dinheiro conquistado com os golpes, que vai todo para os bolsos de Locke e de seus comparsas: os Nobres Vigaristas.
        O único lar do astuto grupo é o submundo da antiquíssima Camorr, que começa a ser assolado por um misterioso assassino com poder de superar até mesmo o Espinho. Matando líderes de gangues, ele instaura uma guerra clandestina e ameaça mergulhar a cidade em um banho de sangue. Preso em uma armadilha sinistra, Locke e seus amigos terão sua lealdade e inteligência testadas ao máximo e precisarão lutar para sobreviver.
        Com doses bem humorada, lutas frenéticas e sangrentas, reviravoltas imprevisíveis.

        • Leonardo,

          Sabia que o The White Robot Podcast fez um programa sobre o livro?

          A sinopse é interessante não posso negar, mas infelizmente não é a leitura que desejo fazer nesse momento.

          Obrigado pela dica.

          Abraços.

          • Leonardo Garcia

            Obrigado pela dica do The White Robot Podcast passarei a escutá-los, mais o cabulosocast é TOP 1 na minha modesta opinião. Abraços.
            PS:
            Terminei ontem de ler DUNA de Frank Herbert e achei sensacional.

          • Leo,

            quero muito ler Duna, imagina um CabulosoCast sobre? Obrigado por considerar o Cabulosocast o seu top 1.

            Obrigado pelo comentário.

            Abraços.

  • Succ Kammiekazzie

    Aee povo cabuloso, saudades de vocês. (Não estou comentando, mas, sempre dou uma passadinha pra me atualizar)
    Adorei o CC, mas, confesso que to me lixando pro Divergente e cia, pra JK, e mais ainda pra Garota Exemplar. #cagueipratudoisso
    uahauhauahahaua
    Concordo com o Lucien, o George Martin está com a série pronta, ele gosta de ver o povo aflito. Também concordo com a Priscilla, quanto a série ter muita sacanagem, muito mais que no livro.
    Nunca deixei de ler nada por causa de spoiler, no entanto, é muito desagradável. Eu tenho uma sobrinha craque nisso, tanto que minha irmã broxou de ler vários livros por culpa dela. Bom, nela eu dou o troco bonitinho.
    Desculpem a falta de tempo, estou lendo O Príncipe da Névoa do Zafon e em seguida pretendo reler a Espada Selvagem de Conan desde o número 1.
    Beijim pra todo mundo.

    • Succ,

      Senti sua falta aqui nos comentários.

      Uso nossa hashtag, muito bom!

      Acho que todos conhecemos alguém que solta spoilers por ai, certo?

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços.

  • Ingrid Santos

    Ótimo cast!! E eu acho que a Rowling está fazendo mais dinheiro com essas noticias do que ela vai fazer com esses livros. Eu li Harry Potter e gostei bastante, mas não tenho interesse nenhum nesse série nova. Se eu me lembro bem, na época do lançamento do ultimo livro um fã lançou, acho que dois livros, sobre as aventuras dos Filhos do Harry, o livro começa no final de As Relíquias da Morte, do ponto de vista do filho mais novo.

    Spoilers, quando te contam coisas em excesso, me fazem perder o interesse no que eu to vendo\lendo.

    Estou lendo As Intermitências da Morte (Jose Saramago) e Gabriela (Jorge Amado)
    Os Ultimos que li foram Até mais e Obrigada pelos Peixes (Douglas Adams) e Fúria dos Reis (Geroge RR Martin)
    E os próximos eu ainda não decidi 😛

    Beijos 😀

    • Ingrid,

      Que curiosidade bacana essa da Rowling. Eu não conhecia essa história.

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços.

  • Olá Grandes Cabulosos,

    mais uma vez passando pra engrandecer a qualidade do cast e do grande cabeça do Lucien. Sempre que eu escuto vocês, me motivo a jogar algumas coisas pro alto (tipo: procrastinação) e colocar em dia minhas leituras atrasadas, dentre elas, assim como citado no episódio pela queridíssima Pri, o livro A Tormenta de Espadas. Acontece que tô lendo bem menos de 15 páginas por dia; acho que é um pouco de culpa de ter atrasado (eu sempre lia o livro antes da série) e a troca da edição dos livros. Mas, como disse, agora estou empolgado e vou matar o livro rapidinho.

    Eu ainda não cheguei na parte do livro em que acontece o Casamento Púrpura, e tomei o grande spoiler também em imagem nas redes sociais. Tenho um querido amigo (blogueiro também) que toda semana solta spoiler de GoT. Querido amigo: para com isso maldito! (Não, não é ninguém daqui, mas precisava falar)
    Os gregos, ou melhor, Aristóteles elegeu o conceito de catarse (em sua poética) como a “purificação dos sentimentos”. Seria, talvez, o que há de mais sublime em uma obra, e, na poética de Aristóteles era um dos elementos mais importantes em uma obra/drama.
    Quando um spoiler não interfere na catarse de uma obra, eu posso até não gostar, mas não vou ficar puto. Mas quando é justamente sobre esse ponto, fico um pouco decepcionado. Perde-se o elemento surpresa, a experiência momentânea, perde-se a empatia natural. Enfim, concordo com a frase que dizia o pai do Lucien.

    Sobre HP: eu vi os filmes, li uma pequena parte de um dos livros, mas não sei se tenho mais tanto interesse. Eu gosto dos filmes, mas a nova série precisaria abordar um novo aspecto do mundo da magia. Talvez alguma coisa mais como se fosse um lado que se aprofundasse mais nas pequenas coisas do mundo (e me vem em mente Artemis Fowl). Não sei, não sei mesmo. Se não tenho tanta vontade de ler HP, imagina essa série. Acho que tô quase pra adotar essa filosofia de leitura do Lucien.

    Gostei da participação dos convidados. Vou tentar conhecer melhor os projetos deles.
    Abração e beijos a todos o/

    • Lucas,

      Se cobrar ler é o pior a se fazer, pois só bate mais preguiça (ou mais desculpas para não ler).

      Achei excelente o seu raciocínio sobre os spoiler’s, quero muito lê-lo na leitura de e-mails do próximo programa para poder compartilhar essa ideia com os demais Cabulosos.

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços.

  • v.

    faz um tempo que não comento aqui. mas tudo bem, fazia tempo que não os escutava. acabei de ouvir o 81 e o drops 82 e achei interessante como somos diferentes, heh. o cast 81 foi sobre a obra divergente, que eu nunca tinha ouvido falar e me parecia mais um desses livros y.a. que saem todos os anos, e que no brasil parece ter se dado bem pegando carona editorial em jogos vorazes (minha opinião sobre jogos vorazes pode aparecer em algum outro momento, talvez, mas não hoje), enquanto o gone girl tem sido incrivelmente elogiado e tem me atraído desde antes de sair traduzido por aqui. acompanho notícias sobre literatura e o mercado editorial no excelente e divertidíssimo http://flavorwire.com/category/books . o lance é que não li nenhuma das autoras, mas se eu tivesse que escolher, seria a flynn. a mocinha roth (que até onde sei não tem parentesco nenhum com o mestre monstro amado Philip Roth, não me despertou a menor vontade de ler seu livro, que pelo programa não pude deixar de notar incríveis semelhanças com admirável mundo novo, especialmente pelo lance de nascer em castas. já li algumas distopias na minha vida, e uma distopia na qual se questiona se realmente é distópica… bem… acho que posso dispensá-la sem arrependimento (depois de ler 1984, admirável mundo novo, fahrenheit 451 e laranja mecânica, é difícil encontrar uma sociedade distópica que supere isso, heh) Já “gone girl” parece seguir uma linha que li pouco: literatura policial, mistério, essas coisas todas com as quais sou pouco familiarizado. e aí a resposta de qualquer um diante do meu comentário é: mas, pedro, isso é só questão de gosto. mas o lucien nesse cast falou: “chega uma idade em que sabemos que não podemos ler todos os livros do mundo.” e é verdade, temos que saber selecionar. na minha lista de leitura quase que crio uma cota para fantasia e uma para sci fi, sempre devem estar presentes em alguma dose ao longo do meu ano. é de onde vim, por onde comecei minha leitura, mas não será onde pararei. enfim, boas leituras a todos, sempre. por mais subjetivo que isso seja.

    pedro víctor santos, 26 anos, médico, natural de maceió, residindo em recife, lendo “a morte do pai”, de karl ove knausgaard e o último terminado foi “vida querida”, da alice munro.

    • Pedro,

      Acho que seu texto resume bem o que tenho sentido nos últimos dias. É como a Serena disse na campanha do tortura nunca mais: Divergente foi legal, mas pronto foi apenas isso.

      Concordo com o disse e nada tenho a acrescentar.

      Obrigado pelo comentário e saiba que fico muito feliz que tenha voltado a ouvir o CabulosoCast.

      Abraços.

  • Augusto Tenório

    Gostei do comentário dizendo que Winterfell se traduz como Invernália, mas o nome original ainda É MUITO MAIS FODÃO! O nome em português fica parecendo as cidades da HQ Holy Avenger.

  • E aí, galera?? Adorei vocês citando o texto do Intravenosa, só vim avisar que o texto é meu! hahahahaah

    Beijão, gostei do programa

    • Gabi,

      Peço desculpas pela confusão. Simplesmente me deixei levar pelo compartilhamento da Kell. Admiro o trabalho de vocês lá no Intravenosa.

      Obrigado pela correção.

      Abraços.

  • Olá Cabulosos!

    Sobre a J.K., acho que ela tem carteirinha VIP aqui no drops, pois em todos ela aparece. Essa notícia de livros sobre o Colin é bizarríssima até pra mim, que sou mega fã da obra. Até porque o Colin é um menino muito, mas muito chatinho. Não sei se eu teria empolgação para ler um livro todo que o acompanhasse.

    Sobre os spoilers, até eu (que não acompanho a série e não pretendo ler os livros em um futuro próximo) levei muitos spoilers na hora do episódio de Game of Thrones. Acho falta de respeito postar em redes sociais porque não é o tipo de coisa que eu espero como seguidor. Até mesmo em grupos especializados é tenso e precisa ser avisado que contém spoiler. Eu participava de um de How I Met Your Mother que tinha uma única regra: spoiler só três dias depois do episódio exibido, que aí dava tempo de todos os fãs assistirem. Inclusive não peguei nenhum spoiler do final de série por lá.

    E apoio muito um cabulosocast sobre a Segunda Guerra Mundial, que é um dos temas históricos que mais curto ler sobre. Enfim, ótimo cast como sempre =]

    Bruno Assis, 24 anos, Belo Horizonte, jornalista e podcaster do Papo di Minero
    Lendo: Contos Inacabados, do Tolkien, e O teorema Katherine, do John Green

    • Bruno,

      É interessante os grupos específicos do facebook deixarem claras suas regras contra spoilers.

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços.

  • Luiz Teodosio, 23 anos, RJ, estudante de Letras

    Só pra dizer que não me incomodo em ouvir algo sobre Harry Potter ou J.K.Rownling no próximo Drops. E, gente, o Martin achou as três relíquias da morte e se tornou o Sr. da Morte. 😛