[Notícia] Petição quer mudar o nome de Minas Gerais para Erebor

8

Não, caro leitor, você não leu o título deste post errado. Existe uma petição no site do Avaaz.org solicitando que o Estado de Minas Gerais tenha o nome trocado por Erebor. O mais curioso é o embasamento utilizado pelos idealizadores do documento. Leia a abaixo a transcrição do texto (valerá cada vírgula, prometo) que teorifica este pedido no mínimo inusitado:

Excelentíssimo povo mineiro,

Por mais de 300 anos o estado de Minas Gerais manteve a sua tradição no setor de mineração. Desde o garimpo até as escavações realizadas com maquinário de altíssima tecnologia, o ente federativo exportou incontáveis toneladas de aço, ouro, diamantes e outros minerais tanto para o Brasil quanto para o exterior. Na política, na economia e na cultura, as terras mineiras sempre se destacaram como fonte de orgulho e determinação para todo o país. Ocupamos, sem dúvida alguma, posição privilegiada no cenário nacional.

Ainda assim há manchas que permanecem assombrando este orgulhoso território: a exploração desenfreada da colonização gerou crescimento econômico apenas para a metrópole escravocrata. E após a tardia liberdade conquistada, uma nova “derrama” foi aplicada ao longo do tempo através dos abusivos impostos cobrados por uma União segregadora e ineficaz. Nossa gente continuou indiretamente submetida à escravidão, à indiferença e a soberba de um domínio tirano, algoz sanguinário que bebeu de nossas fontes limpas e as poluiu com suas garras imundas.

De tal forma, impossibilitado o retorno pecuniário das riquezas que nos foram usurpadas pela história, a população mineira deve exigir de imediato uma indenização de caráter moral que nos devolva a identidade e a compaixão pela terra que nos acolheu. Afinal, os elementos e nomenclaturas sócio-políticos que nos cercam foram impostos pela Coroa, o Império e a República sem qualquer consulta, gerando falsos profetas e abrindo cicatrizes no solo com seus monumentos distorcidos. Todos os laços que deveriam nos unir foram amarrados como algemas. Até mesmo o ordenamento jurídico e os credos foram unilateralmente implementados pela ascendência lusitana. Não fosse o suficiente, o termo “mineiro” é frequentemente motivo e fonte de zombaria e humilhação e o nome “Minas Gerais” denota que esta terra é rica porém a sua propriedade é difusa. Os insultos a nós direcionados parecem não cessar.

Basta! É premente a necessidade de reforma em todos os setores sociais de nosso estado, a começar pelas nomenclaturas e hábitos adquiridos por forças opressoras! Assinando este abaixo-assinado, você, cidadão e amigo, nos ajudará a levar ao Governos Federal e Estadual demandas que irão proporcionar o desenvolvimento político e cultural sadio das próximas gerações.

Ai você pensa: “Ok! É fato consumado por qualquer aluno que frequentou o ensino médio que no processo de colonização Português, a metrópole sugou as riquezas do nosso país.” Logo, acho interessante um grupo se dispor a questionar o direito do estado de Minas Gerais de reaver as riquezas que lhe fora usurpadas. Contudo, o digníssimo leitor deste post deve estar a se perguntar: “E Erebor, o que tem haver com isso?”, este é o ponto, não há nenhuma ligação entre Erebor e os argumentos apresentados acima, mas, mesmo assim, o grupo só Deus sabe onde, viu na luta pelo ressarcimento da pilhagem empregado no seu Estado uma motivo para uma lista infindável de sandices envolvendo o universo fantástico de Tolkien, especificamente, envolvendo as nomenclaturas de O Hobbit. Vou reproduzir as “exigências” da petição – favor não vomitar de rir.

Para vosso conhecimento, seguem listadas abaixo o que irá ser exigido à Excelentíssima Senhora Presidente da República:

a) A mudança imediata do nome “Minas Gerais” para “Erebor”, compreendendo a literatura de J.R.R Tolkien em seu amplo e inspirador sentido que dignifica nossa relevância sócio-política e cultural;

b) Que o hino estadual siga o passo musical de “Misty Mountains Cold”, música que motivou os Anões da Terra-Média a aniquilarem o dragão Smaug;

c) Que a Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais passe a ser chamada de “Moria”;

d) Seja totalmente legalizado o porte de machados e picaretas, além de tombados os primeiros artefatos do tipo, bem como qualquer outro utilizado para a mineração, sendo atribuídas todas as proteções legais e constitucionais cabíveis;

e) Que o regime de governo seja predominantemente o monárquico;

f) Que a sede do Governo Estadual transfira-se para localização escavada ao sopé da Serra do Curral, que por sua vez passará a ser chamada de “Montanhas da Névoa”;

g) Seja reconhecida a existência de Orcs e consequentemente tomadas medidas radicais contra possíveis investidas de Mordor;

h) Que os cartórios sejam obrigados a registrar o sobrenome de pessoas naturais por meio dos apelidos adquiridos no ambiente social, tais como “Elmo de Ferro”, “Escudo de Carvalho”, “Imortal” e outros;

i) Que Aulë seja reconhecida como divindade religiosa e os eventos diretamente relacionados à sua santidade possam ser lembrados em datas festivas, todas elas decretadas feriados estaduais;

j) Que os próximos líderes do estado sejam chamados de “Reis Debaixo da Montanha”.

Para você que já estava desacreditando na “causa”. Saiba que esta petição que almeja atingir 1 milhão de assinaturas recebeu 1.844. Isso mesmo! Mil oitocentas e quarenta e quatro pessoas (espero que por pura diversão) votaram. O que mais me entristece é que existem abaixo-assinados públicos para trocar noves de Estados brasileiros por nomes utilizados em universos fantásticos. Porém, não há abaixo-assinados para obrigar os Estados a dar mais saúde, educação e moradia de qualidade a seus concidadãos. Não acha?

Agradecimento ao leitor Daniel Lopes pelo informe (mesmo que involuntário).

  • Olás!

    Tirando o fato de que mudar um nome de origem portuguesa para um nome fictício criado por um inglês não faz o menor sentido dentro da argumentação inicial, vamos aos comentários:

    1 – Aulë não pode ser reconhecidA, pq Aulë é uma entidade masculina;
    2 – Já o porte de machados e picaretas é uma proposta interessante… principalmente se for usada para melhorar ruas, estradas e calçadas do estado;
    3 – Secretaria da Fazenda ser em Moria? Quem criou esta petição quer que os impostos continuem sendo gerenciados por orcs??
    4- TODO MUNDO sabe que, se é pra dar um nome para Minas Gerais baseada na obra de Tolkien, o correto seria Condado.

    abraços

    • Nilda,

      Ninguém melhor do que você para opinar sobre a questão.

      Ficou sublime. #chupapetição

      Abraços.

  • Eriton

    Nesse ritmo o nordeste vai mudar de nome pra Mordor -_-

  • Gabriel Mendes

    Começaram tão bem…

  • Disponha. <3