[RESENHA] Wild Cards vol. 1 – O começo de tudo. George R R Martin

1

 

o-comeco-de-tudo-novo

Titulo: Wild Cards

Subtitulo: O começo de tudo

Autor: George R. R. Martin

Editora: Leya

Tradução: Alexandre Martins, Edmundo Pedreira Barreiros e Peterso Rissatti

ISBN: 9788580445107

Lançamento: 2013

Páginas: 479

Sinopse:

Com início das publicações em 1987 e chamado pelos fãs de “romance-mosaico”, a série Wild Cards volta a 1945 para contar a saga dos seres atingidos pelo xenovírus Takis-A, o vírus da Carta Selvagem. A Segunda Guerra Mundial acabou e o mundo começava a se preparar para a reconstrução, até que uma nave espacial um tanto estranha cai na Terra, e um ser alienígena tão excêntrico quanto seu “veículo” começa a anunciar que estamos em perigo, que um vírus – que ele não sabe ao certo o que pode causar aos humanos – caiu na Terra. Mas era tarde demais…
O vírus se espalha no céu de Nova York e aos poucos começa a contaminar o resto do mundo. No começo ninguém sabia se era uma bomba química ou atômica, até que as primeiras pessoas começaram a morrer ou se transformaram em seres bizarros ou extremamente poderosos. O vírus ficou conhecido com carta selvagem, afinal, como num jogo de baralho, nunca se sabia qual carta – ou qual mutação no caso – poderia tirar.

Analise:

Quando o nome de George Martin aparece em letras garrafais estampadas em um livro, pode o leitor esperar por um livro repleto de ação e aventura. Wild Cards foi um livro escrito por diversos autores, amigos do George Martin, pelo que eu pesquisei esse livro se deu origem em um jogo de RPG.

Wild Cards é composto por 22 livros, que serão lançados dois por ano, ou seja, é uma coleção que vai demorar em ser completada.

A capa retrata um homem estilo militar segurando um pedaço de tanque de guerra nos ombros, no youtube você encontra o processo de criação da capa, achei fantástico todo trabalho feito pelo criador. O livro é bem diagramado com papel de alta qualidade, porem as letras são pequenas, mas nada que impeça de se deliciar nessa historia fantástica.

Parte da aventura passa em território norte americano, depois de uma eventual bomba alienígena ter explodido e ter transformado boa parte da população com super poderes e transformando outros em aberrações.

O leitor pode achar o começo da historia um pouco confuso, mas não se preocupe que o desenrolar vai acontecendo de forma gradativa nos capítulos seguintes e dando sentido em toda a historia.

Uma dica é não se assustar com  a quantidade de personagens, eu perdi as contas de tantos personagem terem aparecido na historia, cada escritor criou perfeitamente dando características bem detalhadas de cada um, vai ficar difícil para o leitor escolher somente um personagem favorito.

Então leitor, divirta-se e aventura-se nessa historia com muita adrenalina em cada pagina.

Nota: 05-selos-cabulosos

  • Priscilla Rubia

    Eu particularmente achei bem enfadonho o início do livro. Não sei exatamente o motivo, mas acho que foi o exagero de política. Ela se faz necessária pela história do livro se passar logo após a segunda guerra mundial, mas nos primeiros contos ela parece ser o tema central e não a questão dos poderes. Eu só fui apreciar o livro a partir do conto que vem anterior ao do Martin. Não me lembro agora o título, mas se não me engano é sobre um Ás que podia parar o tempo.
    Bom, eu dei três estrelas no skoob e não me empolgou o bastante para colecionar 22 livros.