[RESENHA] O silêncio das montanhas – Khaled Hosseini

5

as montanhas tambem falam 2013-04-05.indd

Autor: Khaled Hosseini

Editora: Globo Livros

Páginas: 352

Ano de Lançamento: 2013

 Sinopse:

“Neste relato que envolve não apenas pais e filhos, mas também irmãos e irmãs, primos e primas, Hosseini explora as diversas formas como as famílias educam filhos, magoam, traem, se respeitam e se sacrificam um pelos outros; e com que frequência somos surpreendidos pelas ações dos que estão mais próximos de nós no momento que mais precisamos.

Na sequência de seus personagens e as ramificações de suas vidas, escolhas e amores ao redor do mundo – de Cabul a Paris, de São Francisco à ilha grega de Tinos – a história se expande gradualmente, tornando-se mais emocionalmente complexa e poderosa a cada página.”

Análise:

Quando você ouve sobre o escritor Khaled Hosseini, autor do grande sucesso “O caçador de pipas” logo vamos poder ler um livro emocionante que vai nos prender até a ultima palavra. O seu mais novo sucesso “O silêncio das montanhas” vai deixar você leitor emocionado logo nas primeiras páginas.

A capa do livro é em minha opinião uma verdadeira obra de arte, não entendo muito, ou melhor, quase nada de arte, mas sei que a capa do livro parece uma grande e belo desenho em uma tela de pintura. A escrita do autor vai mexer com nossos sentidos emocionais, além disso, o livro conta com uma boa diagramação e com letras de fácil leitura.

O ambiente de boa parte da história se passa no Oriente Médio, mais especificamente em Cabul, a descrição dos lugares, costumes e também da gastronomia são muito rico nos detalhes, vale anotar algumas informações e fazer uma busca no google e conhecer um pouco mais da cultura do Oriente Médio.

Existem muitos personagens na história, por isso sugiro que você leitor preste muito atenção durante a leitura para não se perder ou ficar confuso e perdido na história.

Deixe seu comentário nos  dizendo o que achou do livro e boa leitura.

Nota:

Avaliação: 5 selos cabulosos
Avaliação: 5 selos cabulosos
  • Breno Rodrigues

    Do autor, só li “O caçador de pipas” – que se tornou um dos meus livros favoritos. Pretendo ler esse, sem dúvida, e espero que em breve.
    Essa questão de a história ter muitos personagens sempre é um problema pra mim. Hehehe…

    • Obrigado pelo comentário Breno, espero que você aprecie a leitura e depois me conta o que você achou…Ok? Mas já te falo pra ler com muita calma. Abraços.

  • Eli Sabino

    Quando eu estava engatinhando na leitura li “O caçador de pipas” e chorei litros snif snif, o Khaled Hosseini me surpreendeu bastante, qd vi essa capa e tema, não me interessei, achei desértico demais rsrsrs, mas agora que vi sua análise Rafa fiquei com vontade de ler, como estou voltando a leitura, quem sabe ele entra na minha it lista 2014, eu tb tenho um sério problema de memória com riquezas de detalhes (percebi isso quando li Senhora-José de Alencar), mas aí a gente acaba percebendo mais tarde que não é à toa cada detalhe no livro hehe… Abraço!

    • Oi Eli, muito obrigado pelo comentário, você vai se surpreende com o quanto é emocionante a história. Você vai gostar muito e leia com muita atenção. Obrigado.

  • Adriana

    Li este livro e gostei muito! Khaled Hosseini sabe como contar uma boa (e emocionante) história e, ao mesmo tempo, mostrar os costumes do povo afegão. Vale a pena!