Rio 2054 – Os Filhos da Revolução de Jorge Lourenço

1

Rio-2054Titulo: Rio 2054 – Os Filhos da Revolução

Autor: Jorge Lourenço

Editora: Novo Século

Páginas: 376

Lançamento: 2013

Sinopse:

Rio de Janeiro, 2054. Três décadas após uma guerra civil que começou com a disputa pelos royalties do petróleo, a cidade se vê alvo de uma nova ameaça. Um velho jogo de intrigas e espionagem industrial entre as multinacionais que controlam a cidade ganha novos contornos quando uma perigosa jovem com poderes psíquicos surge nos guetos. Alheio a tudo isso, Miguel é um jovem sem grandes pretensões. Morador de uma região abandonada no pós-guerra, ele sobrevive catando restos de tecnologia e tem uma vida despreocupada. Sem saber o que o destino lhe reserva, ele é convidado para assistir a um duelo de motoqueiros e acaba se tornando o pivô de uma disputa que pode mudar o Rio para sempre. Num lugar onde o bem e mal se confundem, Miguel terá que desvendar os segredos de uma misteriosa inteligência artificial e, para proteger aqueles que ama, bater de frente com as poucas pessoas dispostas a salvar o que resta do Rio de Janeiro. Sem saber que lado escolher, caberá a ele decidir o futuro de uma cidade partida pela ganância.

Análise:

Jorge Lourenço nome que vai marcar a literatura nacional, um escritor ousado que soube criar um Rio de Janeiro totalmente devastado por uma guerra civil em um futuro próximo, você vai conferir no thriller cyberpunk “Rio 2054 – Os filhos da revolução” lançado pela editora Novo Século. Quando você leitor começar a ler, logo de cara você vai lembrar de um filme de grande sucesso: Matrix. Ambos retratam um mundo envolvido de tecnologias e tudo controlado por robôs. Sua escrita madura mostra o grande potencial em que o autor soube lidar com os diálogos bem trabalhado de cada personagem. Outro aspecto que me chamou atenção foi a edição do livro, muito bem trabalhado com letras de tamanho proporcional de fácil leitura, sem erros de diagramação, além disso o livro conta com um certo estilo impar e bem sacado da edição, logo acima da numeração de cada página em vertical está escrito “Rio 2054”.

Não a nada melhor que ler um livro e saber que toda uma trama passa em território brasileiro e claro prestigiar nossos escritores nacionais, que a cada dia que passa está conquistando um espaço entre os escritores internacionais e marcando que aqui também é lugar de excelentes escritores. Os brasileiros vão sentir em casa quando ler toda a trama, o livro está muito bem ambientado em solo nacional, os detalhes de cada lugar e pontos do Rio de Janeiro são muito bem descritos, sem contar que o autor nos mostra os principais pontos da cidade maravilhosa completamente devastado pela guerra que destruiu boa parte da cidade, vale gastar alguns minutinhos no google e pesquisar os lugares e tentar imaginar eles totalmente devastados como o autor nos descreve. Os personagens cada um tem um estilo próprio, com o seu jeito e suas personalidades marcantes, são muito bem descritos na história com a cara do Rio de Janeiro.

Um dos principais personagens da trama é conhecido como Miguel um jovem que vive no lado do Rio Beta e que passa a maior parte do seu tempo recolhendo restos de peças e próteses junto com seu amigo que tem um nível de entendimento sobre medicina e a alta tecnologia e com isso acabam ganhando dinheiro para poderem sobreviver. Miguel um jovem com grandes sonhos e de uma personalidade forte, ele procura  ser uma pessoa correta no lugar aonde vive, mesmo com pessoas erradas ao seu redor ele procura manter-se integro e ser uma boa pessoa e ser convicto dos seus sonhos.  Mas vai chegar um momento que estará dividido entre a razão e a emoção, vai ter que decidir se vai escutar a voz do coração ou a voz da razão e sua decisão mudará completamente sua vida com grandes revelações.

O ponto negativo na minha opinião é o exagero de palavrões durante a historia que deixou pesado em algumas falas dos personagens com palavrões bem fortes,  mas vale lembrar que esse é o meu ponto de vista e muitos leitores não vão concordar com isso e também não é por isso que você vai deixar de prestigiar e ler esse grande livro.

Um ponto forte quando peguei o livro em mãos foi à capa que está bem trabalhada e muito bem acabada. A narrativa do livro nos prende do começo ao fim com bons diálogos, deixando a história mais dinâmica e fluida. O leitor encontrara altas doses de aventura, adrenalina e muita ação, além de uma trama que vai envolver não somente humanos.

Se prepare leitor para uma leitura agradável junto com os personagens e conhecer os dois lados da Cidade Maravilhosa e boa leitura. Assim que você terminar de ler nos conte o que achou do livro e deixe sua opinião nos comentários logo abaixo.

Avaliação:

4 selinhos

  • Augusto Tenório

    Rapaz, nem li tudo e já tive vontade de comprar. Luciã, vamos fazer um CC com o autor, né? Só tenho 1 crítica ao texto: Na análise deveria estar escrito “Jorge Lourenço, nome que vai marcar a literatura nacional,”.