Skip to content

LIVROS: Escolas serão obrigadas a ter bibliotecas até 2020

Posted by Lucien o Bibliotecário - 28/03/2013 - LIVROS

LIVROS: Escolas serão obrigadas a ter bibliotecas até 2020

bibliotecaSancionada em 2010, a lei federal 12.244/10 obriga escolas públicas e privadas a terem bibliotecas em suas instituições até o ano de 2020. Um levantamento feito pelo movimento Todos pela Educação garante que 72,5% das escolas públicas não dispõem de bibliotecas para seus alunos. Mas será que uma lei ajudará a tornar o Brasil um país de leitores? Será que “obrigar” prefeitos e governadores a financiar bibliotecas, fará do país um lugar melhor?

Sou professor de escola pública. Trabalho no Estado e no Município e minhas escolas carece de muita coisa. As duas possuem bibliotecas e vejo que alguns alunos alugam livros, alguns até com bastante frequência…, mas isto faz de todos os alunos de minhas escolas bons alunos? Isto melhorou a condição de vida de suas famílias? A resposta é categórica: não!

Minhas escolas não possuem ventiladores; quadros caem das paredes e ficam assim até o final do ano; o material didático chega com atraso (ano passado chegou no final do ano), a merenda é, em grande parte dos casos, farelo de bolacha com ki-suco (extremamente saudável, não acham?).

O problema da educação no Brasil é muito maior e requer medidas muito mais contundentes do que simplesmente criar bibliotecas cheias de livros. Enquanto nosso país for o campeão na desigualdade social, pouca (ou nenhuma) diferença fará em termos bibliotecas repletas de livros. E temos um grande porém ai, quais livros serão postos nestas bibliotecas? Os clássicos? Pois foram aprovados por uma comissão desconhecida de pessoas que se dizem capazes de julgar o que os alunos devem ou não ler? Será que Crepúsculo estará lá? Harry Potter? Percy Jackson? O que é mais importante: ler um clássico por obrigação ou ler vários livros por prazer?

Os nossos políticos são assim: usam de soluções de curto-prazo para problemas de longo-prazo e nossa população ainda utiliza discursos do tipo “Rouba, mas faz”; “melhor isso do que nada”; para ratificar a atitudes de seus representantes.

Não vou nem falar do salário dos professores para não soar protecionista.

Logo, creio que em 2020 nossas escolas terão belíssimas bibliotecas para políticos tirarem fotos fictícias de alunos fictícios lendo para criarem outdoor’s gigantes em ano eleitoral com os dizeres: “Preocupados com a educação”. Em 2020, teremos escolas particulares que no ato da matrícula vão mostrar panfletos dizendo: “Temos biblioteca!” Em 2020, contudo teremos ainda uma educação de péssima qualidade. Se pudesse fazer uma posta, acho que a última parte é mais provável.

Fonte



Comentários

  1. Edilton says: março 28, 2013

    Acho que tudo que é obrigado não é legal. Forçar uma mudança cultural (algo que, teoricamente, deve partir de dentro para fora e não o contrário) é meio sem noção. Além do mais, ter bibliotecas, apesar de ser um grande passo, não é o fundamental. Do que adianta ter uma biblioteca ultra, mega, power legal se não há uma política realmente eficaz de incentivo à leitura? Se ainda se cobra impostos de e-readers? Se o livro ainda é um artigo relativamente caro? Pra mim, obrigar as escolas a terem bibliotecas é só um meio de disfarçar algo para o qual o governo realmente não dá a mínima, afinal o que eles mais querem é gente ignorante pra mandarem e desmandarem sem serem questionados.

    • Lucien o Bibliotecário says: março 29, 2013

      Edilton,

      Perfeita sua colocação! O que o governo realmente quer é fingir que faz algo relevante para expor em campanhas políticas. Sobre esta questão dos impostos, você foi bem claro. Se quer ter um país de leitores baixe os impostos para os livros e eReaders.

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços.

  2. Rita souza says: março 31, 2013

    É bom q todas as escolas tenham uma biblioteca sim porem tbm é necessário uma preocupação com outras coisas como por exemplo uma estrutura de incentivo ao estudo ,merenda e o material didático como foi dito isso é só uma espécie de “distração” para problemas maiores e necessários, e outra ter uma biblioteca ñ significa q os alunos leram, vejo isso na minha escola onde a maioria dos alunos nem sabe de tal sala especifica!

Faça seu comentário