TEM QUE LER: “A QUEDA DA BASTILHA” DA LEILA KRÜGER

4

Saudações, caros leitores, lembram que no post de ontem sobre uma promoção organizada pela escritora Leila Krüger falei que hoje teria uma surpresa? Então, agora venho revelar qual é a surpresa! Preparados? A Leila enviará um exemplar de “A Queda da Bastilha”, que foi lançado dia 02 de Novembro na 58ª Feira do Livro de Porto Alegre, para resenha! O que acharam? Ela não é uma escritora novata aqui no Leitor Cabuloso – A Serena já fez uma resenha do livro “Reencontro” –, mas cada vez que um autor “nos visita” é uma emoção única, assim como cada livro é uma experiência singular! Vamos saber mais um pouco sobre a autora e o livro em foco?

Leila Krüger

“Tudo um dia me deixará forte. E nada me deixará, nunca mais, seca…agora eu posso amar.”

—Trecho do poema “Retorno de Mim”, Leila Krüger.

A Queda da Bastilha – Capa e Contracapa

Edição: 1
Editora: Confraria do Vento
Ano: 2012
Páginas: 63
Skoob
Sinopse: “Da Leitura de ‘A Queda da Bastilha’ ficam algumas conclusões: a primeira é que a poesia brasileira ganha uma nova e exímia autora; a segunda é que é possível, recolhendo elementos cotidianos, transformá-los em poesia falando deste ente tão extraordinário que é o ser humano.” (Roberto Schmitt-Prym)
Onde comprar? Entre em contato com a autora pelo e-mail  leilakrug@yahoo.com.br e encomende o seu exemplar autografado!

A escritora falando sobre o livro: São quarenta poemas e prosas poéticas sobre variados temas: o amor, a vida, a saudade, a tristeza, o tempo etc. É uma poética questionadora e existencialista, mas também sentimental e autobiográfica, com elementos cotidianos.

Abaixo vocês podem assistir dois clipes de degustação com poemas da Leila Krüger que estão presentes na obra:

  • Retorno de Mim:

  • Veleiros:

Quer conhecer melhor as poesias da Leila Krüger? Acesse aqui!

Um pouco sobre a autora:

Nasci em Ijuí, noroeste do Rio Grande do Sul, no começo dos anos 1980. Levei um tapa nas costas e chorei, como todo mundo, e a partir daí descobri que precisaria sobreviver nesse lugar estranho e imenso chamado vida. Logo a arte me estendeu a mão: o desenho, a literatura, a música e o cinema se tornariam partes inevitáveis de mim. Em especial a literatura, através de minhas leituras e escritos intermináveis.

Tenho o hábito de ler o céu, de ouvir a chuva e o vento. Já paraste para ouvi-los? Para senti-los? Existem palavras invisíveis que são sentidas dentro de nós… Existem também as palavras do olhar, as mais secretas e puras.

E vou tentando descobrir continentes em meu navio de tempestades. Nenhuma onda e nenhuma ilha são por acaso…

Cursei Desenho Industrial – Habilitação em Programação Visual na Universidade Federal de Santa Maria – RS e, em 2011, tornei-me mestre em Comunicação Social, pela PUC – RS.

Em 2011 fui classificada em quarto lugar no XXXIII Concurso Internacional Literário, nas categorias “Poesia e Conto”, tendo meus escritos publicados na coletânea “Amanhã, Outro Dia”, da AG Publicações. Também fui selecionada para a antologia “Tempo de Tudo – Contos” e para a “Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos Volume 83”, em 2011, pela Câmara Brasileira de Jovens Escritores. Tenho poesias e contos publicados em sites e revistas. Lancei o meu primeiro livro, romance, Reencontro em 2011 pela editora Novo Século.

Eu escrevo para acreditar em um mundo diferente do que vejo.

Onde encontrar a Leila Krüger no ciberespaço?

  • carliane sousa silva

    amo poesia!!! adorei a leila,com certeza esse livro é muito bom!

  • Rita souza

    eu ainda stou com o livro”reencontro” na minha lista,e agora mais esse!!! 😉

    • Quantos mais livros melhor, espero que depois de minha resenha você queira o livro ainda mais xD