RESENHA: “LADRÃO DE OLHOS” DO JONATHAN AUXIER + PROMOÇÃO!!

15

 

Acho ótimo um livro infanto-juvenil inteligente. Aqueles em que não consideram as crianças idiotas e mostram cenas de terror, morte e tristeza. Gostei bastante de Ladrão de Olhos exatamente por isso.

Conhecemos Peter Nimble, um garoto cego. Ele foi encontrado no mar por alguns marujos bêbados e logo ficou claro que corvos haviam comido seus olhos. Porém Peter não é o tipo de garoto que ficamos com pena, acontece que ele é o maior ladrão de todos os tempos!

“Para vocês que não conhecem nada sobre crianças cegas, saibam que dão os melhores ladrões. Crianças que não enxergam possuem um olfato incrível e podem dizer o que há atrás de uma porta trancada mesmo a metros de distância.”

Pg. 9

Peter Nimble sempre viveu roubando as coisas que precisava para sobreviver. Até que um dia um homem, Sr. Seamus, vê como o garoto pode lhe dar lucros e o engana, dizendo que ele será adotado, viverá numa casa enorme com um cachorro bonzinho. É claro que era tudo mentira. Peter é trancafiado em um porão durante todos os dias – vigiado por Killer, o cachorro que não tem nada de bonzinho – e é obrigado a sair à noite para roubar dos cidadãos. Ele realiza essa tarefa com proeza todos os dias, mas não gosta do que faz.

Imagem Cap. 2

Até que, em um dia chuvoso, Peter está tendo dificuldades para roubar – não há pessoas nas ruas – quando encontra um aglomerado de cidadãos em volta de um caixeiro viajante. O vendedor está mostrando vários itens curiosos para os moradores e os distraindo para a felicidade de Peter. Porém, o caixeiro parece ler pensamentos… chama Peter para ser voluntário na demonstração de um produto. É tudo enganação, mas o garoto entra no jogo do vendedor e convence os moradores. Peter percebe enquanto está ao lado do caixeiro que sua carruagem carrega coisas incríveis. São tantos cheiros diferentes! O que mais atrai Peter é que a carruagem é lotada de cadeados o que para ele é um grande desafio que pede para ser quebrado. Para total alegria de Peter, o vendedor diz que quer tomar uma bebida e o deixa encarregado de vigiar a carruagem. É claro que Peter aproveita essa oportunidade: abre todos os cadeados e rouba uma caixa curiosa.

Chegando no porão do Sr. Seamus e abrindo a caixa Peter descobre que roubou olhos. Isso mesmo, olhos. Três pares deles.

Imagem Cap. 16

Os olhos são mágicos e ao experimentar um par, Peter é transportado para uma ilha onde vive o Professor Cake. A ilha onde ele mora é o lugar onde todos os mares acabam e assim, todas as coisas que foram jogadas no oceano acabam caindo ali. O Professor Cake recebe várias garrafas com mensagens de socorro dentro, algumas chegam tarde demais, mas outras ainda podem ser ajudadas. O Professor manda Peter para uma missão: ajudar a pessoa que enviou a mensagem em uma dessas garrafas.

“Reis há de sobra; príncipes, nem tanto.
Os corvos se dissiparam e o mar recuou seu manto.
Só um estranho aliviará nosso coração,
Mas a treva reinará, a menos que ele seja…”
Pg. 73

Peter Nimble então parte com Sir Tode – um cavaleiro amaldiçoado que é uma mistura de homem, cavalo e gato – a procura do que acreditam ser o Reino Desaparecido. O que Peter não sabe é que a viagem faz parte de seu destino.

Capa original

O que mais me cativou em Ladrão de Olhos foi a mistura de aventura, horror e humor. Algumas partes são engraçadas e irônicas e outras você fica receoso com o que vem a seguir.

Quando chega em certa parte do livro, você já adivinha o final, mas isso não atrapalhou em nada a leitura. A narrativa de Jonathan é muito gostosa e você fica ávido por mais. E isso é uma coisa que me deixou triste. Eu gostaria de ler mais histórias de Peter Nimble.

A edição da Leya tem páginas acinzentadas – o que acho melhor do que branco – e uma letra de bom tamanho. No começo de cada capítulo há uma pequena imagem, como as que coloquei ao longo do post.

Como vocês podem ver, Peter Nimble me conquistou e leva cinco selos cabulosos.

 

NOTA:

 

BOOKTRAILER:

 

Nome original: Peter Nimble and his fantastic eyes
Editora: Leya
Autor: Jonatham Auxier
Origem: Estrangeira
Ano: 2011
ISBN: 978-85-8044-270-0
Número de paginas: 424
Skoob

 

Então, ficou interessado em Ladrão de Olhos – As Aventuras de Peter Nimble? Que tal ganhar um exemplar? Isso mesmo! Promoção!

Regras:

  • Curtir a página do Leitor Cabuloso no Facebook
  • Seguir a editora Leya no Twitter
  • Seguir o Leitor Cabuloso no Twitter
  • Comentar neste post sobre a resenha (somente serão aceitos comentários válidos, com opiniões e expectativas sobre a obra, comentários como: ADOREI! e PARTICIPANDO! Não são válidos.)
  • Twittar a frase (pode ser feito 1x por dia)
  • O vencedor terá o prazo de 48h para responder o email enviado, caso não o faça outro ganhador será selecionado.

a Rafflecopter giveaway

Boa sorte!

  • ryukendo

    Opa… pra quem é educador infantil é uma otima pedida.

    Na promoção. valeu!!!

    • Ryu, realmente deve ser gostoso de lê-lo para uma criança. Vou testar um dia xD
      Abraços!

  • Que ótima estória! Nunca havia lido uma resenha dela, apenas sabia que se tratava de um garoto cego!
    Amo livros infanto-juvenis (os inteligentes como esse é claro,pois tem alguns que são totalmente tolos), gostei da mistura de fantasia com tragedia (pois os olhos do garoto são comidos por corvos)!
    Parabéns pela resenha!
    Estou participando da promoção! Espero que eu ganhe!

    http://oceano-literario.blogspot.com.br/

    • Oi Gabriella! TIve interesse nesse livro ao ler a sinopse, mas n pensei que ele me agradaria tanto. Se vc gosta de infanto-juvenis, vai amar!
      Abraços!

  • Amei sua resenha é a primeira que eu leio.
    Gostei do fato de que a estória misturar aventura e ” tragedia”, esse é um dos raros casos de livros infanto-juvenis inteligentes (como vc mesmo falou)!
    To participando da promo!
    =)

    http://oceano-literario.blogspot.com.br/

  • Luciana Cardoso

    Como sempre uma ótima resenha, achei o livro super interessante, e com certeza recheada de muita aventura . Adorei o tema abordado nesse livro, mostra que mesmo nas dificuldades tanto físicas quanto emocionais uma criança consegui se virar muito bem, mesmo o garotinho tendo se tornando um ladrão isso mostra que ele soube se cuidar muito bem mesmo tendo uma “deficiência”.
    Fiquei muito curiosa em relação a história , ainda mais quando eu vi 5 selos cabulosos pra ele rs… meus parabéns pela bela resenha, ficou um máximo.

    • Luciana, tb gostei mto do livro abordar o tema de uma criança deficiente sem deixar a coisa depressiva. Fico muito feliz que tenha gostado da resenha, mto obrigada :3
      Abraços!

  • Rita souza

    gente eu adorei a temática do livro,e a capa me lembrou muitO PERCY E HARRY.Agora uma pergunta é uma saga,e se for ja se sabe de quantos livros!?

    • Rita, não é uma saga infelizmente >: Mas fico na esperança de ver outros livros com Peter Nimble.
      Abraços!

  • Rita souza

    agora q eu notei,que frase é para twitar?

    • Rita, vc tem que usar o Rafflecopter, ao clicar em tweet a frase já aparece! Vc precisa estar logada ao facebook para usá-lo. É só seguir os passos. Qualquer dúvida pode perguntar aqui.

  • Esse livro parece ser muito fofo!! Tirando a parte do terror, rs, que você disse que faz parte da mistura que encontramos nele, acho que vou amar! Só por não considerar as crianças idiotas já valeria a pena a leitura… hehe…

    • Juliana, a parte do terror é bem leve, mas totalmente essencial. Vc vai gostar sim!
      Abraços!

  • Verdade, nossas impressões foram iguais. Realmente, essa parte de adivinhar o final aconteceu comigo, também. Mas a história é tão boa que isso não atrapalha!

    Espero que o autor escreva mais. =)

    • Pois é, certa hora já sabia o que ia acontecer, mas nem liguei. Devorei o livro duehdueh TOMARA que ele escreva mais *-*
      Abraços Celly!